science care fisioterapia domiciliar

                                                                                                                                                                                                                                                                      

          

Empresa Especializada em Fisioterapia Domiciliar

IMPACTO DO EXERCÍCIO FÍSICO COMBINADO NA PERCEPÇÃO DO ESTADO DE SAÚDE DA PESSOA COM DOENÇA PULMONAR OBSTRUTIVA CRÓNICA

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

 

Resumo

Objectivo: O objetivo do estudo consistiu em avaliar a eficácia de um programa de treino combinado (exercícios aeróbios e exercícios de força muscular dinâmica) comparativamente com um programa de treino aeróbio, e de fisioterapia respiratória, ao nível do estado de saúde de indivíduos com DPOC, durante 10 semanas. Métodos: Cinquenta indivíduos com DPOC moderada e grave foram distribuídos aleatoriamente por dois grupos. Grupo CG (n=25) submetido a treino combinado, grupo AG (n=25) submetido a treino aeróbio, os quais foram comparados com cinquenta indivíduos com DPOC, que realizaram exercícios de reeducação respiratória e técnicas de desobstrução brônquica, grupo FR (n=50). Foi avaliado o estado de saúde através de Questionário do Hospital St.George na Doença Respiratória (SGRQ) e do Questionário SF-36 no início da intervenção e 10 semanas após. Resultados: O grupo CG apresentou diferenças (p<0,0001) nas taxas de modificação no estado de saúde relativamente, aos grupos AG e FR, nos domínios da actividade (64±9%; 19±7%; 1±15%), impacto (35±5%; 20±18%; 1±14%), e total (41±9%; 26±17%; 1±15%), avaliados pelo SGRQ; e nas dimensões da função física (109±74%; 22±12%; 0,1±18%), desempenho físico (52±36%; 11±15%; 1,3±21%) e vitalidade (83±39%; 14±38%) avaliadas pelo SF-36. Conclusão: Estes resultados sugerem que o treino combinado, em indivíduos com DPOC, parece ser um método mais eficaz, que promoveu alterações clinicamente significativas, com uma melhoria ao nível da percepção do estado de saúde.

 Rev Port Pneumol v.16 n.5 Lisboa set. 2010

 

A Science Care Fisioterapia oferece atendimento de fisioterapia respiratória para reabilitação pulmonar, com profissionais altamente qualificados, com larga experiência e supervisionados por coordenadores titulados Mestres e Doutores pelas principais Universidades Nacionais e Internacionais.

Artigos Científicos